René Magritte Action Figure e mais

Nem só de Funkos vive a decoração de nossas prateleiras de livros em casa.

Embora eu tenha apenas duas action figures do Today is Art Day, eu sou simplesmente apaixonada por elas.

P_20190323_144924_vHDR_On
Action figure de René Magritte ao centro

Não sabe nem do que eu estou falando? Calma, eu explico melhor.

A Today is Art Day é atualmente uma empresa cujo foco são feed de mídia social (Instagram), brinquedos de arte. Ela teve início em 2014, com seu idealizador postando no Instagram, histórias bem humoradas com o tema “Arte”, visando torná-la mais divertida e acessível (em termos de divulgação, conhecimento, etc). Em 2017 eles passaram a fazer também as chamadas “action figures”, que são “bonequinhos” colecionáveis (não me batam, é assim que preciso explicar para quem nunca ouvir falar, ué). Em 2018, eles lançaram o primeiro board game deles.

O mais legal é que, antes de eles lançarem as action figures, houve todo um projeto de financiamento coletivo (através do Kickstarter), para ver se conseguiriam seguir adiante com a ideia de fazer os colecionáveis. Claro que o eleito para o “teste” foi a consagrada figura de Vincent Van Gogh, um dos artistas mais conhecidos no mundo inteiro.

Nós fomos um dos apostadores do projeto, e o apoiamos através da compra de uma figura do Van Gogh, caso houvesse sucesso na empreitada (você pode saber mais sobre o início do projeto aqui, no meu post sobre a action figure do Van Gogh).

Bom, com a ajuda de toda a comunidade envolvida que também acreditou no projeto do Today is Art Day, não só eles conseguiram o valor estimado para lançar a primeira remessa das action figures como para continuar no desenvolvimento de outras figuras. Leonardo da Vinci, Frida Khalo, Gustav Klimt, Rembrandt e Salvador Dalí são algumas delas.

P_20190323_145009_vHDR_On
Caixa modelo das Action Figures sempre traz 10 fatos sobre o artista

Levaram ainda mais adiante lançando figuras não necessariamente ligadas à arte, como Shakespeare, Tesla e Einstein, tamanho o sucesso.

E chegamos finalmente  ao objetivo do post de hoje, que é mostrar minha action figure do René Magritte. Eu não conhecia praticamente nada sobre o artista até meados de 2015. Havia já topado com algumas obras dele que apareciam principalmente nas apostilas do ensino médio, sempre na parte de Português (redação ou literatura), talvez porque as imagens remetessem à inspiração, criatividade, não sei bem ao certo.

Mas em setembro de 2015 eu teria a inesquecível oportunidade de conhecer a Holanda e a Bélgica, então eu e meu marido começamos a selecionar todos os lugares que gostaríamos de visitar, e o Museu do Magritte (Musée Magritte) entrou nos planos.

Eu me encantei com os trabalhos do artista belga, e quis sempre saber um pouco mais.  Infelizmente não tenho fotos do museu, não sei por quê. Mas como sempre, compramos muitos cartões postais com obras do artista e foi um passeio bem proveitoso.

Anos depois, sabedor do meu apreço por Magritte, também acabei ganhando um livro da Taschen de um irmão meu, cuja leitura ainda estou lhe devendo, mas está na TBR! Quero muito conhecer mais sobre Magritte, e gosto muito dessas coleção da Taschen! Espero poder ler ainda este ano.

P_20190323_144610_vHDR_On
O livro lindíssimo da Taschen e o Pin à direita

Mas também desde que eu soube que a Today is Art Day lançaria a figura de Magritte, eu quis muito, e meu marido acabou me dando de presente.

A belezinha, vocês podem ver nas fotos do post, bem como as fotos do livro.

P_20190323_144308_vHDR_On
Na contracapa, René Magritte

A action figure veio com o artista personalizado como uma de suas mais famosas obras, o autorretrato: O filho do Homem.

P_20190208_123613_vHDR_On_1

Os extras ficam por conta da maçã verde realmente ter aroma de maçã verde (um capricho que eu achei ao mesmo tempo fofo e lúdico) e o pin (broche) que veio junto, também representando uma de suas obras mais famosas, A Traição das Imagens (onde se lê a célebre frase: “isto não é um cachimbo”).

P_20190323_144829_vHDR_On
Acima o pin e abaixo um dos muitos cartões postais

Além do próprio Museu do Magritte, tivemos a oportunidade de ver a obra A traição das Imagens no Los Angeles County Museum of Art (LACMA), do qual também já falei aqui no blog neste post).

 O chapéu é removível, bem como a própria maçã do chapéu.

P_20190323_145052_vHDR_On

Infelizmente meu Magritte sofreu já algumas quedas porque ele está meio instável, e ficou com algumas “marquinhas”, mas não deixa de ser um xodó.

P_20190323_144800_vHDR_On

E você? Costuma apreciar Artes em geral? Tem algum artista favorito? Procura conhecer melhor o trabalho de alguns artistas? Costuma visitar museus, ler livros de história da arte ou biografia de artistas? Conte-me sua relação com a arte.


Informações adicionais sobre a Today is Art Day:

Visite a página oficial deles aqui e o Instagram deles aqui.

Atualmente, muitos museus vendem as action figures de alguns artistas, afinal, tem tudo a ver com a proposta de difusão da arte.

Eles vendem as figuras para o mundo inteiro. Claro que o frete vai depender do país onde se reside.


Informações adicionais sobre o livro:

Capa dura: 96 páginas

Editora: TASCHEN (25 de Novembro, 2015)

Coleção: Basic Art Series 2.0

Idioma: Inglês

ISBN-10: 3836503573 –  ISBN-13: 978-3836503570


Informações adicionais sobre o Musée Magritte:

Site oficial (inglês): clique aqui

Endereço: Rue de la Régence 3, 1000 Bruxelas, Bélgica

Horários de funcionamento: de segunda à sexta, das 10:00 às 17:00. Aos sábados e domingos, das 11:00 às 18:00.

Entrada: €10 para adultos (19-64 anos), €8 para sênior (65+) e gratuita para menores de 19.

10 comentários Adicione o seu

  1. Monica disse:

    Gosto de visitar museus. Meu primeiro contato foi em SP. Mas, o deslumbre aconteceu quando visitei o museu de história natural em NY. A sensação foi incrível. Mal acreditava que estava diante de um mamute, dinossauros, múmias … assim, a partir de então, sempre que possível, levávamos nossos filhos para conhecer os museus durante nossas viagens …

    Curtido por 2 pessoas

    1. Isa Ueda disse:

      E gosto muito de ir a museus até hoje, e cada vez mais! 🙂 obrigada!
      Sonho em voltar a NY pra ir aos museus..

      Curtir

  2. Ary disse:

    “Isto não é um cachimbo” rs
    Essa frase é um terror para mim, não sabia que era uma obra e adorei conhecer o artista que me causou tanto pavor kkk
    O motivo: Uma matéria muito interessante, mas deveras complicada da faculdade chamada: “Semiótica”.

    Mas que a Action Figure é uma gracinha isso é *-*

    Curtido por 1 pessoa

    1. Isa Ueda disse:

      Hahaha, eu tenho vergonha de admitir que nunca li nada do Foucault, mesmo hoje em dia estando casada com alguém que tem MUITOS livros dele. Ele tinha esse “Isto não é um cachimbo”, mas pelo jeito não era dos queridos dele, pq até já se desfez 😅 agora, o Magritte é tudo de bom! 🤣

      Curtido por 1 pessoa

      1. Ary disse:

        Foucault é realmente brabo rs. Gosto de algumas coisas que ele escreveu, mas a parada do cachimbo me dá arrepios rsrs
        Entendo perfeitamente não um dos queridos do seu marido rs Não é uma leitura fácil rs
        Sobre o Magritte irei procurar mais sobre, me interessei *-*

        Curtido por 1 pessoa

  3. Fui ler sobre René Magritte, a quem não conhecia.
    Não costumo ir atualmente a museus, mas naturalmente a idéia me agrada sobremaneira, uma vez fã ardoroso de história, arte e pensamento.
    Ótima idéia a destes bonecos, uma homenagem e popularização de detentores de algumas das grandes mentes da humanidade.
    Dei uma olhada também no board game “The Grand Museum of Art”. Parece diversão e cultura entre amigos, com belas miniaturas de obras famosas.
    Ah, e me parece um cachimbo, por maiores implicações filosóficas ou óticas que a composição estética possa conter….

    Curtido por 1 pessoa

    1. Isa Ueda disse:

      Hahaha, a discussão sobre não ser um cachimbo é realmente teórica, no sentido de que aquele é, em verdade, mera representação de um cachimbo, mas não um cachimbo em si.

      Curtido por 1 pessoa

      1. Obrigado pela explicação, agora compreendo um pouco mais a intenção do autor.

        Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s