Isso que a gente chama de amor – Maurene Goo

Sinopse:

Desi nunca se deu bem no amor — até decidir transformar a própria vida em uma novela coreana.

Desi Lee acredita que tudo é possível, basta ter um plano. Foi assim, com método e disciplina, que se tornou a aluna mais brilhante do colégio e uma atleta talentosa. É apenas no amor que Desi nunca se dá bem, colecionando uma sucessão de desastres quando se trata de garotos.
Depois de protagonizar mais um desastre na frente de Luca, um jovem recém-chegado à cidade que logo atrai seu interesse, a garota passa um fim de semana assistindo a k-dramas, certa de que os finais felizes só existem nas novelas coreanas que seu pai tanto ama. É aí que ela se dá conta de que naquelas histórias também existe uma fórmula, um passo a passo que ela poderia seguir — e conquistar Luca.
Em pouco tempo, sua vida se transforma em um enredo digno de um dorama. Mas ao contrário do que acontece na TV, isso pode não ser o suficiente para ela alcançar seu final feliz…”


Minhas Impressões:

Quem ama k-dorama (dramas coreanos) vai adorar esse livro! Hiperbólica em todos os sentidos, “Isso que a gente chama de amor” é uma leitura bem-humorada, divertida e, sim, exagerada, como são as tramas dos dramas coreanos. Quem não está acostumado pode estranhar e até desgostar da história, achá-la absurda, mas é a “fórmula” dos romances televisivos capturada em sua essência mais cômica pela autora Maurene Goo.

Para mim, o que me conquistou foi reviver uma fase da minha vida em que eu assistia a doramas (mais j-doramas – dramas japoneses) e adorava! Desde os com uma veia cômica mais acentuada até os feitos para gente se desidratar em rios de lágrimas. Porque uma coisa que é dita no livro “Isso que a gente chama de amor” , é verdade: existe um dorama para todo mundo. E no final do livro tem uma lista de indicação de alguns k-doramas, embora a história já seja cheia de referência a vários deles.

Outro ponto positivo, para mim, por si só, é ter mais uma história protagonizada por uma asiática (americana, descendente de sul-coreanos). Obrigada, Editora Seguinte por trazer esse título. A minha versão adolescente, tendo eu ascendência japonesa, saúda a oportunidade de outras adolescentes amarelas sentirem uma maior conexão ao lerem histórias que tragam alguém em quem elas poderão facilmente se ver representadas, e que, assim como as pessoas à sua volta, viva experiências semelhantes dessa fase jovem, pré-faculdade, de decisões difíceis, de interesse por namoros, e que antecipa a ansiedade de sabermos que, em breve, não veremos mais alguns de nossos amigos todos os dias.

Podem falar o quanto quiserem das semelhanças com a trilogia de “Para Todos os Garotos que Já Amei”, eu não ligo. Quanto mais livros bem escritos, com personagens amarelas no papel principal, escrito por pessoas amarelas, que saibam dosar a estereotipagem justamente por ter a vivência na própria pele de ser amarela, melhor, isso aumenta a chance das pessoas não-amarelas terem um repertório de leituras mais diversificado, que tragam protagonistas diferentes do que estão habituados a ler, e aumenta as chances de pessoas amarelas terem mais interesse pela literatura.

No mais, quanto à trama, eu gosto do fato de Desi Lee ser uma garota dedicada em tudo o que faz, e mesmo sendo nota 10 em praticamente todos os assuntos, ter sua cota de “imperfeição” por ser atrapalhada. Se assim não fosse, não haveria nunca anedotas e boas memórias para compartilhar com seus amigos (e a narrativa seria super monótona). No mesmo sentido, me parece um livro que aborda com leveza e humor a dificuldade não apenas dos relacionamentos amorosos, mas dos pequenos fracassos que ocorrem ao longo da vida e que não deveriam ser o suficiente para nos derrubar. Afinal, nem tudo está sob nosso controle, e, por mais que isso seja assustador, também é o ingrediente que torna a vida igualmente complexa e atraente.


Dados Técnicos do Livro:

Formato: eBook Kindle, 334 páginas
Autora: Maurene Goo
Editora : Editora Seguinte; 1ª edição (18 fevereiro 2021)
ASIN : B08TG6VWNX
Tamanho do arquivo : 2928 KB
*exemplar recebido pela da parceria com o Grupo Companhia das Letras (ref. ano 2020), através da plataforma NetGalley – adquira o seu exemplar preferencialmente em uma livraria independente ou pelo site da editora.

1 comentário

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s