Resenha: O Construtor de Pontes – Markus Zusak

Estou assinando o clube de livros da editora Intrínseca, chamado Intrínsecos, desde outubro/2018, que foi o mês que o clube começou. Mas, por questões pessoais, ainda não li todos (tem sempre tanto livro na frente e aquela lista interminável de “livros para ler”…). Acontece que a Intrínseca caprichou mais que nunca no mês de dezembro/2018,…