As Madonas de Leningrado – Debra Dean

[Cortesia do editor — parceria do blog em 2018 com a HarperCollins] Mais um livro que consegui finalmente tirar da pilha dos atrasados. E como é gratificante quando o livro se mostra uma verdadeira joia! Sinopse: Guerra, amor e vida se unem neste drama profundamente sensível, que visita as lembranças da Segunda Guerra Mundial de…

Livrarias de Amsterdam e por que eu amo a Holanda

Se você me perguntar qual é o país que eu mais amo, a resposta é fácil: Holanda. Eu tenho um carinho muito especial por esse pequenino país. Não só porque de lá saíram grandes artistas, como Van Gogh (que é meu favorito também) e Rembrandt, ou porque praticamente todo ano eles se destacam nas corridas…

Taschen Stores em Los Angeles: De Beverly Hills ao The Grove

Sabe aquela livraria linda com livros de arte? Então, como uma aspirante a entendida de arte, o Percursos Literários foi até não a uma  loja, mas a DUAS lojas da Taschen: em Beverly Hills, e depois, próximo ao The Grove, a Taschen Store Hollywood, para dar uma sondada nos livros, conhecer as livrarias, e, claro, andar…

Por que este ano não tenho meta literária

A ideia de não estipular um número de livros a serem lidos este ano já vem sendo há um bom tempo considerada. Eu estou muito feliz, claro, de ter alcançado a minha meta de 2017, que era de ler 50 livros. Mas acho que esse é um bom número. Se é um bom número, por…

Miniaturista – Jessie Burton, e Rijksmuseum

Miniaturista é o romance de estreia de Jessie Burton. Aqui no Brasil, o livro foi publicado pela editora Intrínseca em 2015. Confesso que, assim como muitos livros, Miniaturista chamou a minha atenção pela capa e pelo preço atrativo na Amazon. Eu tenho mania de comprar livros sem nem ler a sinopse. Ora, me julguem. Quem…

The J. Paul Getty Museum – Los Angeles

Num livro que já pintou review por aqui, A Arte do Descaso (para ler o review, clique aqui), é citado um museu que recentemente tive a maravilhosa oportunidade de conhecer. Segundo nos é contado pela autora Cristina Tardáguila, o investigador da Scotland Yard, Charles Hill, entrou para história por ter conseguido recuperar o famoso quadro…