Orlando: Uma Biografia – Virginia Woolf

Nossa quinta leitura do ano do Clube do Curinga, referente ao mês de setembro, e escolhida pelo Rodrigo, foi certamente a mais difícil até o momento. Virginia Woolf sempre me pareceu muito desafiador, até que eu tive a grata surpresa da leitura maravilhosa e muito proveitosa de Um Teto Todo Seu. Achei, muito ingênua, que,…

J. R. R. Tolkien – Uma Biografia – Humphrey Carpenter

Mais uma biografia maravilhosa que tive o prazer de ler! Trata-se da primeira biografia escrita sobre Tolkien, originalmente publicada em 1976, de Humphrey Carpenter. Obviamente, a edição a que tive acesso foi uma tradução para o português, bastante recente, publicada em 2018 pela HarperCollins Brasil, a nova casa do Toklien no país. Esta é a…

Minha História de Amor – Tina Turner

[Cortesia do editor] Olá, leitores! Trago minha primeira resenha no blog fruto da maravilhosa parceria com o Grupo Editorial Record – GER. Quem me conhece, sabe que adoro biografias. Antes de me tornar uma leitora mais ávida e diversificada, o que eu mais lia eram biografias. Hoje leio livros dos mais variados gêneros, mas é…

Resenha: Sem Lugar no Mundo – Françoise Frenkel

Não sei quanto a vocês, mas tenho alguns temas preferidos de leitura: tudo que envolva a Segunda Guerra Mundial e também livros que falem de livros e livrarias. Pois quando me deparei com “Sem Lugar no Mundo: Relato de uma livreira judia em fuga na Segunda Guerra Mundial”, foi impossível resistir e não levá-lo comigo…

Maus – Art Spiegelman

Maus é, com certeza, a melhor História em Quadrinhos que já li em toda a minha vida. Ela nos leva a conhecer todo o processo de perseguição aos judeus na Segunda Guerra Mundial, contando desde antes da invasão da Alemanha à Polônia até partes do pós-guerra. A obra é uma espécie de biografia, escrita e…

Resenha: Coragem – Rose McGowan

Em março deste ano, foi lançado pela HarperCollins Brasil Coragem, um livro autobiográfico de Rose McGowan. Rose ficou famosa como atriz, ganhando destaque no filme Pânico e mais tarde estrelando na série Charmed, cuja produção excepcionalmente liderada por mulheres foi uma das mais longas na história da televisão. Desde que ganhou voz, no entanto, McGowan…

Lendo Livros Estrangeiros: Um Momento Propício?

Este ano, embora não tenha criado de verdade uma meta explícita sobre isso, decidi que o momento é bastante oportuno para colocar a leitura de livros estrangeiros em dia. Veja bem, por livros estrangeiros vocês devem entender apenas inglês e espanhol. (Ainda não cheguei num nível mais elevado, mas sempre é tempo de aprender, não…

Por que este ano não tenho meta literária

A ideia de não estipular um número de livros a serem lidos este ano já vem sendo há um bom tempo considerada. Eu estou muito feliz, claro, de ter alcançado a minha meta de 2017, que era de ler 50 livros. Mas acho que esse é um bom número. Se é um bom número, por…